Skip to content

Personagem da semana: Hans Ledwinka

21/02/2013

Esse austríaco de nome complicado nasceu em 1878, numa cidade próxima de Viena e morreu em 1967. Sua carreira tem forte ligação com a marca checa Tatra, onde trabalhou e desenvolveu seus projetos mais marcantes e revolucionários. Inicialmente foi mecânico mecânico, chegou depois a projetista e criou motores, chassis, estruturas e carros inteiros.

Muitas carreiras ficam mundialmente famosas após um simples momento de inspiração. No caso de Hans Ledwinka, essa inspiração veio de algo realmente básico: um tubo. Em 1919, o projetista começou a perceber como esse objeto poderia mudar por completo a arquitetura dos automóveis, ainda baseada nas velhas carruagens. Seus projetos mais famosos são os incríveis e aerodinâmicos Tatras da década de 1930, mas estas foram as últimas criações com base no tal tubo.

Nas vésperas da década de 1920, os carros eram montados em quadros de ferro, com um motor longitudinal na frente, um eixo rígido na traseira e um eixo de transmissão de tração para as rodas de trás. Essa configuração apareceu antes nos Mercedes, considerados os primeiros carros “modernos”, mas mesmo assim ainda carregavam muitas características das carruagens. O que Ledwinka começou a desenvolver nunca seria chamado de carruagem motorizada, como os automóveis da época.

 

Chassi criado por Hans Ledwinka

Chassi criado por Hans Ledwinka

 

Na foto acima, é fácil perceber o uso do “tubo”. A estrutura dos carros que Hans começava a projetar era baseada num eixo central, com motor e transmissão construídos como uma peça única de alumínio. Para reduzir ainda mais as vibrações, o motor era um boxer (com cilindros opostos), que ajudava também no balanço do carro. O diferencial traseiro era montado firmemente unindo o eixo ao tubo central, com um feixe de molas único para as duas rodas. Era leve, resistente, suave e eficiente. Tudo isso em um pacote bem pequeno, muito mais interessante que seus “concorrentes” da época. Um outro importante elemento desta construção é a montagem da suspensão dianteira como parte integrante do motor. O primeiro carro a ser construído dessa forma revolucionária foi o Tatra Type 11, de 1921.

 

Tatra Type 11 de 1921

Tatra Type 11 de 1921

 

O próximo passo de Ledwinka foi a evolução de seu projeto para os carros pequenos. Para reduzir espaço, o motor agora foi colocado na traseira, eliminando o uso do eixo de transmissão. Essa configuração trazia algumas vantagens, tais como redução do tubo central, redução de ruídos no habitáculo, melhora da tração e mais espaço para a instalação da nova suspensão independente, que não precisava mais brigar por espaço com o motor. O filho de Hans e o brilhante projetista Erich Uberlacker trabalharam em um protótipo chamado de V570 que alcançou uma nova fronteira automobilística: a aerodinâmica.

 

Tatra V570

Tatra V570

 

Existem relatos de que Ferdinand Porsche buscou inspiração neste projeto para a criação do protótipo do Volkswagen Beetle de 1934. Ambos tinham ideias e objetivos de trabalho muito parecidos, mas a política entrou com força na história, trazendo muitas polêmicas. Primeiro, Porsche apareceu em 1936 acusando Ledwinka de quebra de patente, o que o deixou furioso. Mas Hitler achou uma ideia melhor de resolver o caso: invadir a República Checa. Com Hitler tomando conta de tudo, ele colocou o Tatra T97 com o preço 5 vezes mais caro que o Volkswagen.

Não há como saber como tudo teria acontecido sem política, mas certamente existem muitas polêmicas envolvendo o caso. Ledwinka chegou a ficar preso sob acusação de ter colaborado com a invasão alemã. Depois de libertado, não trabalhou com a mesma inovação de antes e morreu em 1967. Apesar das partes obscuras da história, não se pode negar que esse projetista austríaco foi responsável por uma grande revolução no design dos carros, com ideias que estavam à frente de seu tempo.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: