Skip to content

Clássico da semana: TVR Griffith

19/03/2013

 

O TVR Griffith representou, na época de seu lançamento, uma renovação para a marca inglesa. A partir desse momento, ela passou a ser reconhecida por combinar um estilo ousado e inconfundível com alta performance. Nos primórdios da montadora, em 1954, a produção era de modelos especiais feitos em fibra de vidro que usavam diversos motores, tais como Ford, Conventry Climax e BMC. Depois de passar pelas mãos de vários donos, a TVR foi adquirida por Peter Wheeler em 1982, um executivo do ramo petrolífero que sempre teve um lado artístico.

De forma incomum, Wheleer sempre esculpia suas criações a partir de blocos de poliestireno e o Griffith representou a sua primeira expressão para o mundo exterior. Apresentado em 1990, o conversível de dois lugares tinha origens mecânicas no modelo S de 1986. Mas no resultado final, ele tinha o chassi baseado no S3 e o motor Rover 3.9 litros V8 do 420 conversível. Sua performance fazia jus ao visual. Tinha velocidade máxima de 238 km/h e acelerava de 0 a 100 km/h em apenas 4,9 segundos.

 

 

O modelo teve uma boa aceitação na apresentação, mas sua produção só teria início 18 meses depois, no início de 1992. A TVR aproveitou o hiato para melhorar as especificações. O chassi do S3 foi substituído por um mais firme com suspensão independente nas quatro rodas e o motor teve a capacidade volumétrica aumentada para 4.2 litros. O desenho não sofreu nenhuma alteração, mas o acabamento e a montagem foram refinados.

O modelo de produção apresentava um desempenho ainda melhor, com uma velocidade máxima de 250 km/h. De meados de 1993 em diante, o motor passou a ter 5 litros, gerando 325 cv. O nome do carro passou a ser Griffith 500 e a aceleração de 0 a 100 km/h passou a ser feita em 4.1 segundos. Uma característica notável do carro sempre foi o som borbulhante do motor, exaltado pelos donos. Sua produção durou até 2002 e tanto o modelo como a marca deixam saudades. A TVR fechou as portas em 2012.

 

 

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: